Slide

PUBLICIDADE 728X90

 Nas duas noite de desfile das escolas do Grupo Especial do Carnaval do Rio de Janeiro, as rainhas de bateria fizeram bonito à frente dos ritmistas de suas agremiações. Desvendamos os significados e detalhes das fantasias usadas por nomes como Iza, Lexa, Viviane Araújo, Érika Januza e Sabrina Sato na Sapucaí.

 O cronograma apertado dos desfiles de carnaval de 2022 das escolas de São Paulo e Rio de Janeiro não encontrou barreira na disposição de Sabrina Sato. Rainha da Gaviões da Fiel e da Unidos de Vila Isabel, a apresentadora desfilou pelas duas escolas — em diferentes cidades — na mesma noite.

 A rainha de bateria Sabrina Sato usou uma fantasia que faz alusão à música Pequeno Burguês, de Martinho da Vila, homenageado da escola no Carnaval 2022. A fantasia tem a assinatura do estilista Henrique Filho. 

"Meu amor, eu acho que o amor faz a gente conseguir tudo. O amor que eu tenho pela Vila Isabel, pela Gaviões, pelo carnaval, por tudo isso... Gente, eu to muito emocionada. Foi uma maratona, sim, mas com todo mundo ajudando, todo mundo apoiando, foi muito mais fácil do que eu imaginava", disse ela, que vestia uma fantasia em tom de azul e cheia de estrelas.

Sabrina Sato (Foto: Manuela Scarpa/Brazil News)

Sabrina Sato (Foto: Manuela Scarpa/Brazil News)

Salvar

 "Ser Gavião é amar e lutar. Preto e branco são reflexões de uma vida inteira de dedicação, glórias e, acima de tudo de muita paixão! Vamos com tudo minha Gaviões", disse.

IMPERATRIZ LEOPOLDINENSE: A cantora Iza, rainha de bateria da escola pela segunda vez, usou uma fantasia que representava o "descobrimento do Brasil" ao cruzar a pasarela do samba a Sapucaí. Com um costeiro de plumas sintéticas nas cores verde e amarelo. A cantora disse que "é necessário um resgate da bandeira brasileira".


IZA, rainha de bateria da Imperatriz Leopoldinense no Carnaval 2022 (Foto: Roberto Filho/Brazil News)

IZA, rainha de bateria da Imperatriz Leopoldinense no Carnaval 2022 (Foto: Roberto Filho/Brazil News)

Salvar

MANGUEIRA: A rainha de bateria Evelyn Bastos usou lace de fios cor-de-rosa em alusão aos tons da escola e representar "a personalidade mangueirense". Neste ano, o enredo "Angenor, José & Laurindo" foi uma homenagem a nomes históricos da agremiação -- Jamelão, Delegado e Helio Laurindo da Silva. Criada na comunidade da Manngueira, ela usou uma faixa com os dizeres "cria do morro".

Evelyn Bastos, rainha de bateria da Mangueira no Carnaval 2022 (Foto: Reprodução/Instagram)

Evelyn Bastos, rainha de bateria da Mangueira no Carnaval 2022 (Foto: Reprodução/Instagram)

Salvar
SALGUEIRO: Grávida aos 47 anos, a rainha de bateria Viviane Araújo usou fantasia que representa a entidade Cabocla Jurema — na Umbanda, é a rainha das matas ligada a Xangô, padrodeiro da escola. Ela deixou a barriga à mostra para o desfile. "Realizada", disse a atriz, que espera um menino
“A emoção de poder voltar a pisar na Marquês de Sapucaí depois de quase dois anos sem os nossos desfiles e carregando meu filho no meu ventre é algo q ainda não consegui superar!!! Só agradeço a Deus por me permitir viver esse sonho!”, definiu a famosa sobre o momento especial. Recentemente, a famosa fez um desabafo e explicou o real motivo de continuar se exercitando. “Meus amores, tenho visto muitas mensagens por aqui preocupadas com os exercícios físicos na minha gestação. Eu entendo a preocupação de todos vocês. Mas quero abrir esse espaço para falar da importância e dos benefícios de praticar atividade física na gestação”, escreveu.
Viviane Araújo, rainha de bateria do Salgueiro no Carnaval 2022 (Foto: Roberto Filho/Brazil News)

Viviane Araújo, rainha de bateria do Salgueiro no Carnaval 2022 (Foto: Roberto Filho/Brazil News)

Salvar

SÃO CLEMENTE: A rainha de bateria Raphaela Gomes usou uma peruca rosa suave para representar a personagem Angel, criada por Paulo Gustavo, humorista homenageado pela escola de samba.Raphaela Gomes, rainha de bateria da São Clemente no Carnaval 2022 (Foto: Reprodução/Instagram)

Raphaela Gomes, rainha de bateria da São Clemente no Carnaval 2022 (Foto: Reprodução/Instagram)

Salvar

VIRADOURO: A atriz Erika Januza, de 37 anos, estreou à frente dos ritmistas da escola vestida de “Rainha do Bola”, em referência ao bloco Cordão da Bola Preta, fundado em dezembro de 1918 e que traz uma rainha desde seu primeiro desfile. "Rainha do Bola é a primeira rainha de bateria do Brasil”, explicou Erika, que usou um penteado de cordão de bolas pretas.

Érika Januza, rainha de bateria da Viradouro (Foto: Manuela Scarpa/Brazil News)

Érika Januza, rainha de bateria da Viradouro (Foto: Manuela Scarpa/Brazil News)

Salvar

BEIJA-FLOR: Rainha de bateria da escola há 20 anos, Raissa Oliveira usou uma fantasia representando uma obra do Nei Lopes. "É uma fantasia do grito de liberdade. Minha fantasia representa a luz ao povo preto", contou.

Raíssa Oliveira, rainha de bateria da Beija-Flor no Carnaval 2022 (Foto: Webert Belicio/AgNews)

Raíssa Oliveira, rainha de bateria da Beija-Flor no Carnaval 2022 (Foto: Webert Belicio/AgNews)

Salvar

PARAÍSO DO TUIUTI: Rainha de bateria da escola, Thay Magalhães representou a energia soberana com uma fantasia com 50 mil cristais. Já descartando a possibilidade de voltar ao posto em 2023, ela estimou que a fantasia pese mais de 30 quilos — entre os adereços de cabeça e costeiro.

Thay Magalhães, rainha de bateria da Acaadêmicos do Tuiuti no Carnaval 2022 (Foto: Webert Belicio/AgNews)

Thay Magalhães, rainha de bateria da Acaadêmicos do Tuiuti no Carnaval 2022 (Foto: Webert Belicio/AgNews)

Salvar

PORTELA: A rainha de bateria Bianca Monteiro representava Otim, orixá feminino que habita as matas. Ela desfilou à frente dos ritmistas usavam fantasias que representava Oxóssi, protetor da bateria da Portela.

Bianca Monteiro, rainha de bateria da Portela no Carnaval 2022 (Foto: Reprodução/Instagram)

Bianca Monteiro, rainha de bateria da Portela no Carnaval 2022 (Foto: Reprodução/Instagram)

Salvar

MOCIDADE INDEPENDENTE DE PADRE MIGUEL: A rainha de bateria Giovana Angélica representou o espírito de Keto, a cidade de Oxóssi, orixá caçador e enredo da escola. Ela raspou a cabeça para seguir o visual de sua bateria, que desfilou com ritmistas vestidos de Oxóssi. A rainha de bateria usou um par de tapa-mamilos, deixando os seios de fora.

UNIDOS DA TIJUCA: A cantora Lexa usou uma fantasia vermelha chamada “O fruto que tupana abençoou”. O traje foi criado pelo estilista Henrique Filho e avaliado em 100 mil.reais. "O guaraná é a reexistência vermelha. Além disso, o guaraná represenra algo tão nosso, muito brasileiro."

Lexa, rainha de bateria da Unidos da Tijuca no Carnaval 2022 (Foto: Dilson Silva/Agnews)

GRANDE RIO: A atriz Paolla Oliveira, de 40 anos, desfilou de Pombagira – a representação feminina de Exu. O orixá é o tema deste ano da agremiação. “O enredo fala de Exu, uma figura bem masculina. Para a minha fantasia, quis priorizar elementos femininos”, disse a rainha de bateria.

Paolla Oliveira, rainha de bateria da Grande Rio no Carnaval 2022 (Foto: Dilson Silva/ AgNews)

Paolla Oliveira, rainha de bateria da Grande Rio no Carnaval 2022 (Foto: Dilson Silva/ AgNews)

Salvar
Noeli de Carvalho

Beijos no coração💖
Editora, Colunista e Jornalista Noeli de Carvalho e Silva 

E da Modelo, Pesquisadora e Designer de Moda Iana de Carvalho Silva

Compartilhe o post com os amigos

Comente pelo Facebook!

Comente pelo Blog!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *