Slide

PUBLICIDADE 728X90

Igreja do Bonfim (Foto: Reprodução/TV Bahia) 
Uma tradição de mais de dois séculos se repetiu na manhã desta quinta-feira (11), em Salvador. Sob o tempo nublado, que ajudou a amenizar o calor, milhares de católicos, seguidores dos orixás e turistas percorreram oito quilômetros entre as basílicas de Nossa Senhora da Conceição da Praia e a Colina Sagrada, para celebrar o Nosso Senhor do Bonfim, Oxalá para o povo de santo, durante a tradicional Lavagem do Bonfim.

Lavagem do Bonfim é uma das tradicionais festas do calendário religioso baiano, a festa acontece na Basílica do Senhor do Bonfim, onde o público se espreme para amarrar a sua fitinha nos portões da igreja,, fazendo os tradicionais 3 pedidos, com muita fé.

Lavagem do Bonfim (Foto: Paula Fróes/GOVBA) 

as baianas promovem todos os anos a lavagem com água de cheiro das escadarias,vestindo os seus trajes típicos  de saias e blusas rendadas,com torço nas cabeças e seus colares coloridos nos pescoços,que homenageiam os orixás.
Lavagem do Bonfim (Foto: Maiana Belo/G1) 

A alegria estampada das baianas se traduz em suas vestimentas ricas,cheias de detalhes e acessórios com colares e pulseiras,  que são um dos cartões postais da capital baiana.
Lavagem do Bonfim (Foto: Andréa Silva/TV Bahia) 
Este ritual é esperado pelas baianas com muita ansiedade,pois traduzem o respeito e a fé que elas depositam no Senhor do Bonfim.
Baianas na Lavagem do Bonfim (Foto: Andréa Silva/TV Bahia) 
Este costume passa de geração para geração. 
Símbolo cultural do estado, baianas fizeram a lavagem do adro da Basílica de Nosso Senhor do Bonfim, em Salvador (Foto: Maiana Belo/G1) 
Vassouras , cantos e orações dominam seu momento marcante.
Lavagem do Bonfim (Foto: Andréa Silva/TV Bahia) Flores trazidas em potes com água de cheiro são avistadas em todo o cortejo, até a chegada na colina sagrada desta festa.
Lavagem do Bonfim (Foto: Andréa Silva/TV Bahia) 
 A religiosidade se mistura entre baianas e a freira católica,onde a diversidade é devidamente respeitada.
Encontro entre baianas e freira na festa do Senhor do Bonfim, em Salvador (Foto: Paula Fróes/GOVBA/Divulgação) 
Homenagem ao Senhor do Bonfim em verde e amarelo pedindo pelo nosso amado Brasil.
 
Mãe e filha compartilham deste momento vestindo camisetas que lembram o asfalto português.
 
Devotos caminharam 8km entre a Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia, no Comércio, até a Basílica do Senhor do Bonfim. 
De branco, multidão enfrentou caminhada de 8km entre a Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia e a Igreja do Bonfim (Foto: Camila Souza/GOVBA )
De branco, multidão enfrentou caminhada de 8km entre a Igreja de Nossa Senhora da Conceição da Praia e a Igreja do Bonfim.
Lavagem do Bonfim (Foto: Andréa Silva/TV Bahia)
Imagem de Nosso Senhor do Bonfim que foi levada para a Colina Sagrada, rodeada por muitas flores e fitinhas que adornaram o Andor.
Imagem de Nosso Senhor do Bonfim (Foto: Andréa Silva/TV Bahia) 

Esta festa é a maior demonstração da fé ardorosa do povo baiano pela imagem de Jesus, simbolizando o Senhor do Bonfim, tão visitado durante todo o ano.Os fiéis costumam assistir  às missas, usando branco, nas sextas-feiras, pedindo graças e pagando promessas, por seus pedidos atendidos. Mais do que nunca, o mundo precisa de paz e conclama esse sentimento, que deve reger com maestria, a vida dos baianos,brasileiros e pessoas do mundo inteiro.

Beijos no Coração 💖



Compartilhe o post com os amigos

Comente pelo Facebook!

Comente pelo Blog!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *